terça-feira, 10 de março de 2009

1.200 salários mínimos por mês pra mentir pra você na TV PSDB


A Propaganda é a alma do Negócio
1.200 salários mínimos por mês pra mentir pra você na TV PSDB


Fiel à prática nazista do: “insista numa mentira até tornar-se verdade”, o governo nazitucano de São José pra Poucos, investe pesado em propaganda, mesmo com a cidade em crise financeira, pra esconder da população seu governo fraco, apático e sem respostas aos graves problemas sociais e econômicos que enfrenta.

Incapaz de qualquer idéia ou iniciativa pública que não leve cimento, burocracia e propina, a solução encontrada é tentar manipular a opinião pública através da compra de espaços na mídia afim de encobrir irregularidades e incompetências de um governo que já começou há 13 anos atrás com uma mentira: a famigerada Fábrica de Empregos.

Em mais uma licitação que já cheira mal, pois já está claro quem vai levar a bolada, com a prefeitura retirando um a um concorrentes do certame desinteressantes aos seus interesses particulares, a idéia é DOBRAR os gastos com propaganda, à custa de redução de investimentos na ordem de 10% em todas as secretarias, inclusive serviços essenciais como saúde e educação.

Isso significa que em meio a uma das maiores crises financeiras que esta cidade já passou, a prefeitura vai gastar cerca de dezenove mil reais por dia, o que equivale à cerca de 41 salários mínimos/dia para mentir pra população, chegando ao final do mês com um custa pra cidade equivalente à um mil e duzentos e trinta salários mínimos por mês pra enganar o joseense com as mentiras tucanas.

E isso pra que você assista na TVPSDB gente feliz da vida com o aumento do IPTU, afinal, quem não gosta de pagar mais imposto, ainda mais quando o dinheiro está ralo no bolso?

Outro absurdo é que os 6,8 milhões de reais que gastará por ano em propaganda, dava , por exemplo, pra construir a Via Cambuí, orçada neste valor e que o dinheiro, pasmem, está sendo emprestado do BID, porque a prefeitura não tem dinheiro pra pagar a obra.

Ai pegunto: Lembra na campanha quando o prefeito tucano comparava a administração da cidade à uma dona de casa administrando as contas da casa? Ainda dizia pra fingir austeridade que uma dona de casa responsável não gastaria o dinheiro pra pagar a conta de luz com futilidades. Agora pegunto: -É essencial e moral gastar tanto com propaganda quando a cidade está em crise, quando precisamos pegar emprestado do Banco (BID) para obras essenciais?
Ou seja, fala uma coisa, faz outra. Economia boa é pros outros, pra eles o que vale é gastar.

1.200 salários mínimos por mês com propaganda é uma afronta aos milhares de desempregados de São José;

1.200 salários mínimos por mês é um crime numa cidade que se nega á dar um prato de comida à quem tem fome;

1.200 salários mínimos por mês é um custo muito alto pra manter essa mentira deslavada que se tornou o PSDBesta em São José;

Precisamos nos mobilizar, pressionar a opinião, pública, os vereadores em suas bases eleitorais para por fim à esta farra, por muito menos, tentaram cassar uma ex-prefeita no passado por causa de gastos abusivos com propaganda, ou senão vai ficar muito claro que esta câmara também está levando algum nesta jogada.

Jorge Saladino

5 Comentários:

Anônimo disse...

quem mandou votar neste filho da puta

Anônimo disse...

até quando esta gente vai agir impunimente sem niguém fazer nada?

Tenho vergonha de morar nessa cidade

Anônimo disse...

Essa dona de casa KIbe Cury com sua amigas sapatas Juana, Crodi e Marina transformaram esta cidade numa zona.

pau no cu dessas putas

Marcelo Galvão

jr disse...

Saladino, acho que vou imprimir seu texto e mandar colocar num quadro, na sala de casa!
M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!

slade disse...

TENHO VERGONHA DE MORAR NESSA CIDADE (2)

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO