terça-feira, 30 de setembro de 2008

À espera de um Milagre: Os últimos dias de um governo ruim que chega ao fim

Quem sai as ruas já percebe muito claramente o sensação crescente de que a opressão destes 12 anos está no fim. As pessoas voltam à sorrir, voltam à acreditar na cidade, aos poucos vão se soltando e perdendo aquele medo de perseguição política e ideológica que as acompanhou nestes 12 anos de desrespeito às diferenças.

O Bicho-Papão já não consegue assustar nem intimidar mais ninguém; a própria pseudo_militância do holerith que chacolha bandeira em semáforo senão perde o emprego já está entregando som pontos. Os candidatos à vereador, que foram obrigados à soltar santinhos do Curi com eles e não deles com o Curi (porque gente fraca só consegue brilhar se ofuscar quem está do lado) já não pedem um voto sequer ao bonequinho do Manezinho;

O que se discute agora é se vai perder no primeiro ou no segundo turno.

E o pior é nem mesmo assim, o Aprendiz de Prefeito desce do salto! Continua agindo como se nada estivesse acontecendo, com sua rotina de cidadão comum, na esperança de que o coitado do Manezinho que abandonou Brasília para pedir votos pro pupilo vire o jogo pra ele, um jogo que ele mesmo e sua trupe de espertalhões tratou de afundar.

Aproveite logo para assistir à este novo sucesso no 7º andar do Paço, pois este só dura até o fim das eleições, depois...

FORA COM ELES!!!!



Jorge Saladino

No desespero, vale tudo, até fingir que é corinthiano

Sucesso de vendas desde a visita de Lula em nossa cidade e da queda esperada nas pesquisas

(se é que algum dia realmente esteve tão à frente, pois a pesquisas anterior tem mal cheiro) , começaram a pipocar nas portas do comitê tucano uma camiseta com os mesmos dizeres das usadas por corinthianos, por ocasião do rebaixamento para a segunda divisão.
Dizem por ai que nas ruas, o desespero é tanto que tanto o prefeito com seu ex, quando topam com um corinthiano, tentam mexer com o sentimentalismo dos mesmos com frases do tipo: "- Como pobre, você sabe o que é sofrer e cair para a segunda divisão, ajude-me a ficar no meu grupo de elite".
É Manezinho e Duduzinho, desse jeito não vai dar não. Dizem que a real preocupação do Manezinho em reeleger o poste é que, com a perda irreversível da eleição, no dia seguinte, os grande "empreendedores " municipais estarão fazendo fila na porta do gabinete do Manezinho querendo um boquinha em Brasília, afinal, empreender com o dinheiro público é fácil, difícil é ficar rico trabalhando de verdade.
Por isso, corinthianos, palmeirenses, saopaulinos, santistas, enfim todos joseenses, não caiam no golpe, não tenham pena, porque eles não tem dó de ninguém. Em Outubro use seu voto pra dizer: FORA COM ELES!
Jorge Saladino

Até quando suportar as "surpresinhas " desagradáveis deste desgoverno?

IPTU mais caro, passagem de ônibus mais cara, fuga de grandes empresas, obras e mais obras embargadas, obras e mais obras desnecessárias (ou você acha que é preciso trocar guia dia de rua todo ano, como aconteceu na João Guilhermino e ocorre neste exato momento na Pedro Friggi atrasando ainda mais o trãnsito da zona leste sem necessidade), falta total de diálogo com a população, apropriação dos bens públicos para repartir com os amigos, privatização mal feita até de varreção de rua, promessas feitas há 4 anos não cumpridas e agora renovadas com números ainda maiores como as câmeras de monitoramento nos bairros e a diminuição do efetivo da guarda municipal; explosão do consumo de drogas na cidade; explosão do número de mendigos; descaso com a periferia; obras mal planejadas que ocorrem nas escolas com as crianças dentro, prejudicando a saúde e a aprendizagem; construção de unidades de Sáude nas quais tem tudo, menos médico; licitação com ônibus menores e por ai vai;

UM GOVERNO QUE PRIORIZA COISAS AO INVÉS DE PESSOAS, NÃO PODE CONTINUAR NO PODER.

PRECISAMOS URGENTEMENTE DE UM GOVERNO QUE GOVRNE PARA AS PESSOAS E NÃO QUE GOVERNE COISAS, UM NOVO GOVERNO, COM IDÉIAS NOVAS, QUE OLHE NOS OLHOS DO POVO E NÃO UM GOVERNO AUTORITÁRIO E INCOMPETENTE QUE APARECE DE 4 EM 4 ANOS FAZENDO MÉDIA EM FEIRA LIVRE;

EM 05 DE OUTUBRO, FORA COM ELES

Jorge Saladino

domingo, 28 de setembro de 2008

Lula Profetiza, a virada já começou, agora ninguém mais pára o povo! Fora tucanalhas!!!


Você não precisa ter mais medo da perseguição, não precisa esconder o que pensa, não precisa baixar a cabeça prum governo que não te dá soluções e só cobra obrigações, você pode e você vai mudar a história de nossa cidade. São José merece muito mais e o seu voto vai valer! A Esperança que fez o Brasil vencer a subordinação histórica aos estrangeiros, vai trazer de volta o sorriso ao povo de São José.
Em Outubro, diga não à essa repetição de portas na cara, de falta de educação e respeito, desse governo que só aparece em época de eleição e na hora do almoço rodeado de puxas-sacos.
Diga sim à mudança, dê um chance pra você e para nossa amada cidade. Fora com eles!! Fora com esses tucanalhas que te olham de cima pra baixo!
Vote Carlinhos, Vote Até Toninho, mas corte o barato dessa gente safada e alienada que usa e abusa às custos do seu suor diário. Fora com eles! A virada começou, só tá faltando você! Faça sua parte!!!

Prefeito Burro é assim, sempre pensa que nosso dinheiro é capim


Chega de incompetência, chega de gente morrendo por falta de exame, chega de andar apertado em bondão, chega de baixar a abeça para esses bundões. Chega de ser tratado como gado. O povo vai dar o troco, chega de farra com nosso dinheiro, em 05 de outubro, fora com Eles!

Bateu o desespero! Na reta final, o governo vai jogar ainda mais sujo! Não adianta, o povo vai dar o troco!

05 de Outubro, Fora com Eles!

sábado, 27 de setembro de 2008

A Esperança vai vencer o Medo. O Brasil muda pra melhor, São José também pode! Você faz a diferença!!!


Agora, faltando uma semana, até Corujão, depois é só choro e decepção

Como nada sai de graça neste desgoverno, toda essa bondade repentina, com Ônibus à vontade, articulados emprestados de outra cidade e agora até, quem diria, Corujão, vai custar muito caro se você cair no conto do vigário, pois governo PSDBesta é assim, pra ganhar vale tudo, depois FODE TUDO!

Não aos tucanos, não à malandragem, Não ao aumento engatilhado e de conluio com a nova máfia do transportes na cidade e tudo pelo povo de São José.

Em Outubro é hora do troco, dê uma passagem sem volta pra PQP para essa tucanada, Fora com eles!!!

Até quando aceitar essa enganação? R: Até 05 de Outubro!!

O Povo está acordando e vai dar o troco!!! 05 de Outubro, Fora com Eles!!!!

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Compre agora, pague dobrado depois!! IPTU dobra se Curi se reeleger


Roba Curi, o Robin Wood às Avessas


Governo Chupa Rico - Onde quem tem dinheiro sempre tem prioridade


quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Curi é o único dos candidatos que se nega à assinar compromisso de garantir direitos dos servidores em debate


Boneco que é, Curi se atrapalha todo e borra as calças toda vez que tem de agir por conta própria


Se privatizar tudo é tão bom, porque os Mamulengos amigos do prefeito quebraram?


Cracolândia 2: Investindo na carreira


Nova Cracolândia fica debaixo do Nariz de Curi

Como mentira tem perna curta, o prefeito que não fez nada como secretário em 8 anos e nada como prefeito em 4 anos, mas agora promete tudo, e que não fez nada de concreto em seu triste mandato contra o consumo crescente de drogas e do aumento do narcotráfico na cidade, ao contrário, perseguiu e fechou diversas comunidades terapêuticas e manteve no cargo como secretário de defesa do cidadão, o dono de uma rede de farmácias que vende ilegalmente bebidas em suas farmácias, como comprovou matéria de capa do Vale Paraibano de março deste ano e agora promete criar a Casa do Drogado ( A primeira já está em funcionamento na porta de seu comitê na Rua Luiz Jacinto e não duvidaria se tivesse entre seus frequentadores o seu candidato jovem de 30 e poucos anos (um bebê-bado) Farício Mínimo) teve descoberta, conforme matéria de capa do jornal de ontem, a maior Cracolândia da cidade e que fica bem em frente ao seu comitê eleitoral.

Mas isso não é problema, afinal ele vai alegar, assim como o faz com todo cidadão que o aborda nas ruas reclamando de estar anos na fila esperando um exame, "que isso não é normal" e que só sabe apagar incêndio e não planeja nada na cidade, vai dizer que vai mandar fechar a sua primeira Casa dos Drogados.

Como é que pode um prefeito que se diz tão preocupado com drogas ter uma Cracolândia debaixo do seu nariz e não saber de nada? É esse cara pior que o Lula em época de Mensalão que "NUNCA SABE DE NADA" que vai resolver um problema que pra resolver a gente precisa saber de tudo?

Pelo menos a maior droga dessa cidade, se tudo der certo, acaba neste final de ano, que é esse Governo!

Em Outubro, fora com eles!

Você deixaria 84 milhões na mão de um caloteiro que deve 24 milhões na praça?


terça-feira, 23 de setembro de 2008

Se privatizar (terceirizar) tudo é tão bom, porque então quase toda empresa que prestou serviço terceirizado na cidade acabou quebrando?


Como escolher um bom candidato nesta eleição

Temos recebido diversos emails de amigos do blog pedindo que, além de apontar as inúmeras irregularidades desta cidade, dizendo em quem não votar, que também indicássemos alguns bons nomes em quem votar.

Diante disso, resolvemos dar algumas dicas para que escolhamos um bom candidato na hora de definir nosso voto.

Por questões éticas, preferimos não nomear nenhum candidato, entretanto o perfil de um candidato é fundamental para que saibamos se ele reune ou não condições de ser um bom prefeito ou vereador.

  • Primeiramente, é importante lembrar que existe boa e gente que não presta em TODOS os partidos, portanto, independente de sua corrente ideológica há sim condições de você escolher entre a lista proposta por seu partido preferido, um nome que mais se aproxime daquilo que acha importante.

  • Outro fato importante é saber se as propostas apresentadas pelo candidato condizem com o carog almejado. Ex: Nada mais comum que você pegar um santinho de um candidato à vereador e ver que ele promete construir UBSs, escolas, creches coisas que não são e NUNCA serão da sua competência, pois vereador existe para duas funções principais sendo: Fiscalizar os atos e gastos do prefeito ( e a maioria que hoje lá está nem sabe o orçamento de São José) e propor leis que busquem atender às necessidades da comunidade. Vereador não tem poder para assentar um tijolo! Portanto, se você topar com um vereador que se diga responsável pro tal ou qual obra ou que prometa alguma obra, SAIA FORA, porque, este cara não é sério e está tentando enganar você. Veja aqueles que se comprometem em criar leis que atendam às suas expectativas, por exemplo, uma lei que obrigue à prefeitura à criar atividades nos espaços públicos afim de que a comunidade possa ocupar este espaço e não a marginalidade como costumamos ver com frequenc

  • Outra coisa muito importante é verificar se o histórico de vida deste candidato lhe dá condições de realizar aquilo à que se propõe. Na política, boa vontade e boa fé não bastam, tem de ter competência. Verifique se aquele candidato com quem simpatiza, já realizou algo na comunidade que sirva de exemplo para demosntrar que ele realmente faz ao invés só de falar, porque papel aceita tudo, só que na hora do vamos ver, a cosia é bem diferente.

  • No caso de reeleições, verifique se o candidato cumpriu aquilo que prometeu na eleição passada, porque quem não fez da primeira, dificilmente vai cumprir na segunda. Um exemplo é o atual governo que brinca com a memória do povo e promete em dobro, triplo às vezes, coisas que ele havia prometido há 4 anos atrás e que até agora não saiu do discurso.
  • Verifique se este candidato tem compromisso com assuntos que na sua visão seja importante que sejam colocados em destaque na sociedade, como a questão dos animais de rua, do meio ambiente, das drogas, da segurança, do emprego e por ai vai.

  • Vote em candidatos pelo que eles são e pelo que demonstram com atos e exemplo fazer e não porque alguém como um padre, ou pastor mandou você votar. Saiba separar uma coisa da outra;

  • Não vote em um candidato simplesmente porque ele é uma pessoa popular ou porque é seu amigo. A pessoa em si pode ser muito legal mas não reunir condições para o cargo pretendido. O caso do nosso atual prefeito é mais que esclarecedor. Um cara até bacana, mas sem personalidade, incapaza de liderar uma cidade e refém de uma horda de puxa-sacos

  • Em casos como aqui solicitados, de pessoas que por passarem muito tempo fora da cidade não conhecem bem os candidatos, sugiro que então vote na legenda do Partido com o qual você tenha maior afinidade com a ideologia. Se você gosta de meio ambiente, pr exemplo, uma boa opção é o Partido Verde, se você defende causas sociais o PT, se você acredita no capitalismo selvagem, tá ai o PSDB, e por ai vai.

Em breve traremos novas dicas.

Grande abraço e boa escolha


Candidatos à vereador acendem vela pra Deus e outra pro diabo na busca de votos

Candidatos fanáticos
Por Aurélio Moraes

O que é afinal o nosso horário eleitoral para vereador de São José dos Campos? Um programa evangélico?
É uma falta de respeito com quem é de outra religião, com os ateus e com os agnósticos ver na TV candidato usando o seu cristianismo para se promover.
Temos o Roberto Feltrin, fantoche do Santos Neves. Em seu horário na TV, Santos Neves aparece fazendo proselitismo religioso, com uma mensagem falando de Jesus na parte de baixo da tela. O que é que isto tem a ver com política? Política e religião não se misturam. Outro candidato que abusa da religião é o Fabrício Correia, do PSDC. Em seu espaço na propaganda eleitoral gratuita, ele afirma que "felizes são os que temem o senhor". Além de utilizar uma retórica do culto ao medo para quem não acredita nos dogmas evangélicos dele, ele não apresenta nenhuma proposta. Isto devia ser proibido, aliás. Quer pregar, QUE NÃO UTILIZE O HORÁRIO ELEITORAL GRATUITO. O espaço na tv é para política e não para proselitismo barato e chulo. Mal começa o programa e o cara já fala "sou cristão evangélico.." como se falasse "eu sou cristão, isso me torna melhor que os outros candidatos!".
Penso que igrejas podem pedir para seus fiéis seguirem seus dogmas, mas não têm o direito de estendê-los à toda a população na Câmara municipal, por exemplo. Lembremos de quando a "bancada da fé" de São José, quando vereadores como José Luis e Lino Bispo tentaram proibir a distribuição da pílula do dia seguinte na rede pública de saúde. É isso que os candidatos que invocam a religião no horário eleitoral querem: transformar a política joseense em uma teocracia, sendo instrumentos dos dogmas de padres e pastores.
Não quero neste artigo me mostrar intolerante com as religiões. Religiosos têm todo o direito de praticar suas fés em casa e nas igrejas.
Mas política é algo que deve ser feito para todos, independente de crença (ou a falta dela). Quem acha que têm mais credenciais para ser vereador por ser evangélico ou católico deveria repensar os seus princípios. Penso também que um vereador pode ser religioso, mas na hora de elaborar projetos e votá-los na Câmara deve pensar que nem todos os cidadãos compartilham a mesma fé que ele.
Se você é evangélico ou católico, por favor pense antes de votar em um candidato apenas porque ele comunga da sua fé. Procure descobrir se ele têm propostas e projetos que beneficiem a todos em São José e não só o seu grupo religioso. Tente descobrir se os valores dele independem de sua crença e se ele pretende apenas ser um fantoche de sua religião na Câmara Municipal. A política é muito importante para ser pautada através de crenças religiosas particulares, porque vivemos um Estado Laico.

Aurelio Moraes

Eu sou a lesma _ Mais um sucesso em cartaz no Paço Municipal


Obras embargadas pro falta de fiscalização e segurança


As obras embargadas na cidade são em grande parte, fruto da exploração desmedida o que tem colcoado em risco a vida e saúde da população que, refém d eum estado que não dá nenhum tipo de assistência, afinal, inventaram que ajudar quem está em dificuldade é ajudar vagabundo, daí a pessoa para não ser taxada de vagabunda, justamente por aqueles que coçam o saco e dia inteiro enquanto contam dinheiro e farreiam com o fruto dos eu trabalho, se sujeita à receber menos do que vale o seus erviço e ainda em condições, muitas vezes desumanas e precárias.
Tem dúvida, dê uma voltinha então por duas feiras diferentes na cidade e confronte as realidades.
Numa feira no Aquarius ou no Na Vila Adyanna veja as pessoas, sim as pessoas, observe sua constituição física, trajes, jeito de andar, jeito de olhar, sua postura corporal... E constatará que vivem, em sua grande maioria, uma vida confortável, bem alimentada entre outras.
Agora vá até a feira do Colonial no domingo e faça o mesmo tipo de observação e constatará um número absurdo de pessoas mutiladas, principalmente nas mãos, por que isso? Pense, é à toa, nasceram sem membros, são franzinas por que? Porque se alimentam tão bem como as outras?
Porque um pode e o outro não?
É este projeto de cidade PSDBesta que produz realidades tão distintas e dispares que te interessa?
E quantos vivem uma realidade e quantos sobrevivem a outra?
Compare pelo tamanho das feiras.
E depois ainda tem gente que acha que o cara do Colonial tem de bater palminhas para esse projeto, para que a meia dúzia que circula por praças floridas e vigiadas por câmeras, levando cachorrinhos para passear (afinal a segurança em nossa cidade existe para defender o capital e não as pessoas) possa continuar nessa rotina fausta enquanto ele não sabe se volta pra casa vivo ou morto e se traz consigo leite e pão.
Acorda povão, acorda classe média que você é a próxima vítima, !!

Porque uma educação alienante? Porque fica mais fácil de tirar o couro de quem não questiona

Por que fazem tanta questão de que nós não saibamos? Porque é bem mais fácil enrolar quem ignora a verdade e aceita em questionar a cangaia.

Se você aceita que o patrão é a salvação da pátria, que sem ele você morre de fome, fica mais fácil você tolerar abusos.

Se você trabalha 10, 12 horas por dia, num regime frenético que não de dá espaço nem para respirar e ainda sai dali para ir estudar afim de estudar por mais 4 horas afim de garantir uma certa "empregabilidade" afinal o mercado exige, quando você vai encontrar tempo para pensar e até, na lógica capitalista, onde vai encontrar tempo para ganhar dinheiro?

Agora uma perguntinha: Uma pessoa que trabalha, por exemplo na GM, se sai de lá, consegue viver do suor de seu próprio trabalho? E a GM, se todos cruzarem os braços, os proprietários conseguem tocar a fábrica do mesmo jeito que você consegue tocar sua vida? Então meu amigo, a GM ou qualquer outra empresa precisa bem mais de você para sobreviver do que você dela, portanto, tá na hora de rever alguns valores mas pra isso a gente tem que ter um pouco de tempo para respirar, pensar, questionar.

Pra isso a gente precisa de uma educação que ao invés de estimular o individualismo (afinal, é um empreendedor, ou seja, é um ganhando dinheiro e um monte ao seu redor se contentando com as migalhas) estimule a cooperação, o companheirismo e não a equipe, afim teremos um mínimo de condição de diminuir tanta desigualdade, mas se vendermos todo o nosso tempo para sermos "escravos remunerados", a vida passa, a gente passa e nada fica.

Deixemos de ser capachos, se a iniciativa privada é tão eficiente como eles dizem, por que o estado tem de arcar com parte dos seus custos de produção dando isenções e isenções? Pois esse emprego que ele gera agora pra ganhar beneficio, ele tira assim que apagam as luzes e ficam com o lucro e o povo mais uma vez com o engodo.

A escolha do voto é sua, só sua, veja de que lado você realmente está nesta história e dai fica mais fácil de escolher um lado.


Jorge Saladino

domingo, 21 de setembro de 2008

Como são gastos os 8 milhões do gabinete do prefeito: Deve ser com cafézinho


A farra continua: Enquanto você sua para ganhar o seu dinheiro eles fazem a festa


PSDBoys, fruto de uma geração perdida por um educação nazista ops, empreendedora

De todos os estragos causados pelo período PSDBesta em nossa cidade, sem dúvida, o mais devastador e que carregará suas consequências perversas por muito tempo é o modelo educacional neoliberal/fascista aqui adotado pelo singelo nome de educação empreendedora.

Aproveitando o pânico causado pelo desemprego estrutural crescente causado pela política econômica neoliberal (aquela que faz de tudo para deixar a vida de quem já tem dinheiro ainda mais fácil e dificulta ainda mais a vida de quem não teve oportunidades) o governo local, que promete emprego mas só gera cursinho de padeiro (e ai de quem reclamar) convenceu a população de que a única alternativa para a crise é que todos duma hora para a outra, virem empreendedores, ou seja, patrões.

No papel é muito bonito, só que a realidade não é bem assim, afinal, contrariando o belo e repetitivo discurso do governo Curi de que a iniciativa privada é mais eficiente que o poder público, 9 em cada 10 empresas quebram antes de completar 5 anos. Ora, não precisa ser muito inteligente para ver que algo que dá errado 9 vezes em 10 não é exemplo de eficiência, entretanto este álibi tosco e sem sentido é vendido com louros para poder perverter já no jardim de infância a educação de nossas crianças que são estimuladas desde cedo ao ambiente competitivo do vale tudo dos negócios, o que tem refletido no baixo interesse dos alunos na escola, na dificuldade cada vez maior de relacionamento entre os alunos e no aumento da violência e do consumo de drogas por pessoas que desde criança descobrem que, por mais que se esforcem, não vão ser o próximo Bil Gates e pra que ser Bil Gates??? Porque uma educação onde o sucesso é fundamentado única e exclusivamente no dinheiro e onde o respeito, a tolerância, o direito à crítica, à capacidade de pensar por si próprio não existe?

Se alguém duvida, basta ler os muitos comentários postados por esta geração em textos anteriores, onde na falta de uma articulação mínima de idéias e argumentos, repetem chavões xingamentos igual papagaio. Uma geração que não sabe o que quer, só pode descambar na intolerância, na hostilidade e por fim na barbárie.

Independente de concordar ou não, o importante aqui neste espaço é dar sua opinião sincera, nossa equipe não está aqui para bater palmas para as próprias opiniões mas para estimular o debate que é algo fundamental para a democracia, entretanto, o crime cometido pela educação municipal, muitas vezes deixa nossa juventude sem condições de se expressar com voz própria, ai descambar para pichações, vandalismos, ataques à mendigos nas ruas é um pulo.

Um grande exemplo desta geração perdida está entre os candidatos que se postulam jovens nesta eleição e que não trazem respostas consistentes ao coração dos jovens e o que é pior, muitas vezes não possuem em seu histórico de vida, exemplos que demosntrem claramente sua capacidade de representar-nos com dignidade.

O exemplo mais claro é o Farício, presidente da Jumentude PSDBesta. Sorridente, boa praça, mas COMPROMETIMENTO ZERO. Farício, que tem este apelido por seu envolvimento histórico com drogas e que, apesar da pose de bom moço atual, dizem as más línguas, continua companheiro inseparável dum baseado e de bebidas alcoólicas ( fato que por si só é mais que suficiente para desqualificá-lo como exemplo para nossos jovens) no discurso mentiroso de que se preocupa com os jovens, foi eleito ano passado como conselheiro tutelar por 3 anos, mas não segurou a barra e, menos de um ano depois, abandonou o cargo para o qual o elegemos e que é de vital importância para a vida de milhares de jovens em situação de risco em São José como a desculpa de que abandonou para se candidatar à vereador o que deixa muitas perguntas sem respostas no ar:

* Se tinha esta pretensão (e já a tinha antes mesmo de se candidatar para o conselho tutelar, porque então se candidatou tirando a oportunidade de outro?)

* A lei não obriga um conselheiro tutelar a abandonar o cargo para disputar uma eleição, porque então, se é tão preocupado com os jovens carentes de nossa cidade os deixou na mão sem necessidade?

* Quem garante que, na possibilidade de ser eleito vereador não vai fazer a mesma coisa por não aguentar a pressão de ser vereador?

* Você colocaria alguém que já mentiu e frustou tantas vezes para vigiar o nosso dinheiro?

Portanto, é muito discurso e pouca ação nessa cidade. Jovens que dão exemplo e existem aos montes nesta cidade não recebem o mesmo carinho, atenção e oportunidade que gente que só pisou na bola a vida inteira porque sabe que no final, basta se fazer de arrependido que a gente passa a mão na cabeça e dá mais uma chance para o coitadinho.

Porque seu partido que, assim como tantos outros, tem gente boa e gente ruim, não lançou ou deu apoio intensivo à outro candidato jovem que tenha o perfil empreendedor que tanto evocam ao invés de um malandro? Não tinham melhores opções? Claro que tinham! O enteado do ex prefeito é um exemplo disso, porque não ele o candidato? Porque a moça Cristal, garota esforçada (ingênua é verdade) mas que tem o perfil de empreendor na recebe a mesma atenção que o moçoilo reincidente.

Entre os jovens ainda temos o garoto Ortiz, do partido verde, menino meio chatinho, de 19 anos, mas que tem até onde sabemos uma vida ilibada, além de ser o puxa-saco número do prefeito, porque não eles, mas este nóia que nada acrescenta representa esta nova juventude?

Exatamente porque este nóia Farício Legalize Já, é o exemplo da destruição que esta política causa na sociedade, criando gente descerebrada, que só pensa em festa, ou vibe e que não tem objetivo nenhum na vida senão se dar bem e sair distribuindo porrada em quem pensa.

Tá na sua mão escolher tipo de cidade que queremos, se aquela de pessoas sem escrúpulos, corruptas, mas que fazem cara de boazinhas, ou uma cidade com pessoas que se preocupam umas com as outras, que cuidam um das outras, uma cidade solidária, onde um menino da periferia ou de um condomínio fechado não é agredido, violentado na casa do vizinho e ninguém faz nada, porque nos tornamos estéreis e perdemos nossa humanidade para este mundo cão.

Nós ainda acreditamos e vamos viver até o nosso último suspiro acreditando que compensa fazer o que é certo e não se submeter à injustiças porque é mais cômodo.

Faça você também esta análise antes de votar, não vote em alguém porque viu uma plaquinha bonita, porque te encheu de promessas, mas vote em quem tem uma vida que sirva de exemplo, porque falar até papagaio fala.

Jorge Saladino

sábado, 20 de setembro de 2008

IPTU 2009 Uma bomba prontinha para estourar na sua mão depois da eleição

O PSDBesta sempre age da mesma maneira, arma uma arapuca, se faz de bonzinho e depois que o eleitor cai nela, leva aquela lambada. Foi assim por exemplo na reeleição do Fernando Henrique que segurou o dólar à preço de ouro torrando com mais de 35 bilhões da divisas nacionais para fingir um panorama estável no país que garantisse a sua reeleição e dois dias depois, o dólar explodiu, dobrando de preço da noite para o dia e quebrando um monte de cidadãos que fizeram dívidas atreladas ao dólar na boa fé e, do dia para noite estavam devendo o dobro da dívida.

O mesmo está acontecendo em nossa cidade,a costuma à estelionatos do PSDBesta, que assumiu o poder há 12 anos atrás prometendo uma fábrica de empregos que até hoje não existiu e agora encobriu um aumento substancial do seu IPTU para começar a cobrar no ano que vem, ou seja, você vota achando que tudo vai melhorar e os malditos te enfiam a faca no ano que vem com aumentos que vão de 25% à 45% ao ano acima da inflação, até totalizarem 200% de reajuste, ou seja, vão nos explorar não só no ano que vem, mas pelo menos, pelos próximos 4.

Não caiamos de novo no canto do vigário, em Outubro, fora com eles!!

Jorge Saladino

Só mesmo um governo doente para um golpe tão indecente

É Nojento, amoral, vil esta atitude do atual governo de, ás vésperas das eleições, faltando apenas 15 dias para as eleições, inventar um multirão da saúde para supostamente resolver problemas que perduram há anos. Digo supostamente porque com certeza vão nestes 15 dias enrolar mais uma vez o coitado do cidadão,l chamando-o, criando nele esperança de ter seu problemas resolvido e vendo este postergado para depois das eleições, ou alguém é tão ingênuo à ponto de achar que será operado neste 15 dias? Talvez peguem um ou outro caso e até resolvam para poderem mostras no programa de tv, mas e depois, e o resto? Não tenham dúvidas, vamos ficar mais 4 anos passando pelas mesmas dificuldades.

É preciso sim que se faça um multirão, mas porque só agora? Porque não depois de 05 de outubro ou o que seria mais inteligente, não foi realizado em junho para não dar tão na cara o abuso promíscuo da máquina pública?

Gente, isto demonstra que este governo está disposto à qualquer coisa para se manter no poder, e quem quer o poder a qualquer custo, vai passar por cima de qualquer um se for preciso, sem qualquer ética, respeito e integridade. Muito cuidado, porque quem vai pagar a conta de tanta bondade repentina é você.

Não caia no golpe, em outubro, Fora com Eles!

Jorge Saladino

Pena que leeição só dura 3 meses, depois são 4 anos pagando as contas

Tem uma piada que diz que o inferno em época de eleição é festa, depois o bicho pega. O mesmo pode ser aplicado em nossa São José dos Campos. Neste último mês o governo está um belezinha, é gentil, ouve as pessoas, promete maravilhas, dá dura em empresários que explora trabalhador, nunca falta ônibus, até multirão da saúde faltando 15 dias para o dia das eleições inventaram...Que maravilha! Pena que, depois de enrolado o povão, são mais 4 anos de pé no chão. Vejam por exemplo o tanto de ônibus articulados (que não constam da licitação, portando estarão aqui somente até passar as eleições) circulando pela cidade, todos, sem exceção com placas de outras cidades e que é claro que abandonarão a cidade assim que terminarem as eleições, consolidando mais um dos muitos estelionatos eleitorais desde desgoverno que nos engana e manipula há 12 anos.

Até quando vamos nos permitir sermos enganados de maneira tão deslavada? Até quando aceitar essa gente que só nos trata como gente em época de eleição, a quando??

Não podemos nem temos o direito de sermos novamente, desculpem o termo, imbecis e colocar de novo estes vereadores e prefeito que só tem feito nos explorar e direcionar os recursos da cidade para seus interesses particulares e para os interesses de seus financiadores.

Hoje temos no mínimo duas cidades nesta mesma cidade: Aquela bonita, cheia de florzinhas, vigiada até os dentes por câmeras e seguranças e uma outra, bem maior, esquecida, que sofre com um desemprego crescente, com a insegurança (ou você acha que se o tarado que está colocando em pânico as mulheres da periferia tivesse atacado alguma dondoca ela já não teria sido pego)

O problema é essa cidade esquecida, ou oculta como diz o Tonico está por explodir e ai não vai adiantar se esconde atrás de muros altos e vigias, porque o bicho vai pegar.

Ou a gente toma vergonha na cara e muda de vez, elegendo gente comprometida de fato com mudanças, com uma sociedade que acolha à todos ou então seja o que Deus quiser! Vai ser olho por olho, dente por dente, ou seja, um lugar onde todos perdem, pois como bem disse Gandhi: se continuarmos nisso teremos uma sociedade de cegos e banguelos.
Cegam já estamos, mas dá pra abrir os olhos e de novo sonhar.

Em Outubro, Fora com eles!

Jorge Saladino

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Debate na Band: Sem blindagem do ex, prfeito é engolido pelos adversários

Chega à ser triste ver que alguém que está à frente deste governo há tanto tempo, demonstre um despreparo tão grande frente aos desafios da cidade.

Se à um candidato como o do PSTU é permitido às vezes falar besteira, o mesmo é inadmissível para o atual prefeito, pois este está lá há 4 anos e se não é capaz de entender o mínimo da cidade, se prendendo à redundâncias e acusações vazias é sinal de que as coisas vão mal.

Acuado, diminuído, gaguejando sem parar , com a barba pro fazer e todo amarrotado num terno amassado e sujo, o que vimos foi a triste figura de um homem que é até boa pessoa, mas que não possui a menor condição de ser prefeito da cidade.

Foi vergonhoso ver, por exemplo, que depois de desmascarado sobre o golpe do IPTU que aumenta à partir do ano que vem, fugir das responsabilidade e jogar a culpa nos vereadores que lhe falaram amém pra tudo neste 4 anos. Foi um ato, no mínimo injusto, covarde, amoral.

Também não soube dar explicação convincente sobre gastos absurdos do seu gabinete, algo em torno de 8 milhões de reais (mais do que os gastos da presidência da república!!) e que, para piorar, ainda disse possuir apenas dois funcionários. Imagina se tivesse 10 então, quebrava a cidade.

Nem a ajuda para lá de parcial da jornalista dondoca que não lhe fez perguntas mas elogios sobre a saúde ele soube aproveitar.

Tomou uma lavada até, quem diria, do Tonico, quando vez perguntinhas retóricas para aparecer e levou o troco.

É por essas e outras que é importantíssimo reavaliarmos os rumos desta cidade que teve avanços significativos com o PSDB de Emanuel, mas que está estagnada há 4 anos.

Repetir promessas feitas há 4 anos e não cumpridas é debochar do povo que vai dar o troco, pois a urna, ao contrário da pesquisa que só ouve bairros ricos, ouve à todos e vai ser muito dificil calar a voz daqueles que tem sido deixado de lado nesta cidade.

Em Outubro, fora com eles!

A única coisa que estes atuais vereadores que batem na sua porta pedindo o seu voto sabem fazer é bater a sua carteira. Renovação Já!!

A única coisa que estes atuais vereadores que batem na sua porta pedindo o seu voto sabem fazer é bater a sua carteira. Renovação Já!!

Se é vereador diga não, Sim pela renovação!

Desgoverno: Uma mãe para os apadrinhados, mas quem paga a conta é você


Nem bem abriram as urnas e já está um tal de oferecer boquinha em troca de apoio para vencer as eleições por parte do governo e dos vereadores governistas que em nossa cidade são 17, ou seja, todos à exceção dos do PT. É tanta promessa de emprego para não fazer nada por 4 anos, muitas delas alicerçadas no desesperador desemprego estrutural que se abate sobre a cidade (pois o prefeito quando fala na tv faz conta de jogador, dizendo apenas os empregos que foram criados e não aqueles postos de serviço que foram fechados, sem contar que os salários estão sendo a cada dia mais e mais achatados, ou seja, estamos trocando empregos que pagam bem, por subempregos como os da Tivit, alardeados pelo governo que pagam salário de fome além de tirar o couro do funcionário) que se realmente fossem cumprir tudo que prometem, não ia ter espaço para tanta gente na prefeitura.
O ruim disso é que, ao invés de contratarem pessoas competentes para os cargos, contrata o amigo, o filho do amigo, o cabo eleitoral, menos quem saiba fazer o serviço e quem é que perde? Nós, os cidadãos que somos obrigados à pagar caro por serviço mal feito.
A cidade precisa de renovação, de vereadores e prefeito que não estejam comprometidos até o fio de cabelo com seus interesses particulares, mas com o povo, senão vamos continuar elegendo pessoas que estão lá só pra levar vantagem.
Vejam o exemplo destes atuais vereadores: Apesar de serem pagos para isso, nenhum deles, sabe te informar quanto é gasto com a saúde, a educação, o lixo recolhido na porta da sua casa, o IPTU que aumentaram na calada da noite sem ver e que o prefeito no sufoco, jogou a fatura nas costas deles, enfim, todos os 17 vereadores da base governistas, sem exceção, só fizeram nestes 4 anos, enganar você, apadrinhando obras depois de feitas, sendo que vereador algum pode assentar sequer um tijolo.
Ontem estive na região norte e um destes vereadores clientelistas que mal sabem soletrar o próprio nome, e que está mamando na teta há 20 anos (Pilantra Beb) afim de enganar o povo da região, colocou placas em locais estratégicos dizendo-se o responsável pela construção de um hospital e outro pelo construção da Via Norte. MENTIROSO!!! Pois vereador algum pode construir nada, apenas VENDEU O VOTO QUE VOCÊ LHE CONFIOU PARA FISCALIZAR OS ATOS DO PREFEITO, em troca de assumir a paternidade de uma obra feita pela prefeitura. por isso vota um monte d ecoisas sem saber, como no caso do aumento do IPTU.
Abram o olho, na urna em 5 de Outubro, barre essa gente, aposte em gente nova!

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Conheça melhor aqueles vereadores que estão batendo na sua porta pedindo seu voto

Quando é pra resolver a própria vida os nossos vereadores são rápidos no gatilho, já quando é pra dar satisfação à população a coisa muda de figura: Confira abaixo (se estiver com dificuldade de ler, clique na imagem que ela aumenta de tamanho) Dica de PG
























Recordar é Viver: Licitação foi na marra e não ato de coragem tendo a justiça até condenado mamãe Mané

Político safado tem mania de achar que a memória do povo é curta por isso mente a torto direito na época de eleição afim de sair impune.
Abaixo, matéria de jornal que esclarece "o ato de coragem" do governo em promover a licitação de ônibus. Por ironia do destino, o autor da matéria virou assessor do deputado. Leia e tire suas conclusões. Dica de Aurélio.



Emanuel é condenado por não promover licitação do ônibus

Deputado federal eleito pelo PSDB é sentenciado à perda dos direitos políticos por improbidade administrativa
José Roberto Amaral
São José dos Campos
Fonte: Jornal Vale Paraibano de 09/11/2006

A Justiça condenou o ex-prefeito de São José dos Campos Emanuel Fernandes (PSDB) por improbidade administrativa por não ter realizado a concorrência pública do transporte coletivo em oito anos de mandato.Em sua sentença, o juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública, Luiz Guilherme Cursino de Moura Santos, impôs a Emanuel a pena de perda da função pública e dos direitos políticos pelo período de três anos.O ex-prefeito também foi condenado ao pagamento de uma multa equivalente ao último salário recebido no cargo -- R$ 13,7 mil -- e proibido de contratar com o Poder Público ou receber incentivos fiscais por três anos.A decisão significa, na prática, a primeira punição a um agente público pela falta de regularização do sistema de transporte coletivo, que funciona em caráter precário em São José há mais de 20 anos.A licitação para a concessão de serviços públicos é exigida por uma lei de fevereiro de 1995, que regulamentou o artigo 175 da Constituição Federal.A perda dos direitos políticos, no entanto, não terá interferência na posse de Emanuel, eleito deputado federal com mais de 328 mil votos em 1º de outubro.Segundo especialistas consultados pelo valeparaibano, a própria lei que estabelece as punições por atos de improbidade administrativa prevê a aplicação das penas somente depois da transição final do processo -- que pode se arrastar ainda por vários anos.Emanuel Fernandes afirmou ontem que vai recorrer da decisão ao Tribunal de Justiça. Em ações de improbidade não há previsão de foro especial.Segundo o deputado eleito, o juiz não levou em consideração um acórdão do STF (Supremo Tribunal Federal) que teria concluído que não existe um prazo máximo para cumprimento da lei que obriga a normatização das concessões (leia texto nesta página).

AÇÃO PÚBLICA - A decisão judicial acatou uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa proposta pelo promotor de Justiça Marco Antonio Librelon em outubro de 2004.
A abertura do processo foi determinado pelo Conselho Superior do Ministério Público Estadual, depois de rejeitar um pedido de arquivamento do caso.Além de afastar o arquivamento, o órgão determinou por unanimidade o ajuizamento imediato da ação por improbidade administrativa contra Emanuel.O processo que tramitava na 4ª Vara Cível foi transferido em 20 de janeiro para a Vara da Fazenda Pública. A sentença do juiz Luiz Guilherme Moura Santos foi tomada seis meses depois, em 14 de julho.No último dia 31 de outubro, o juiz negou recurso do advogado do ex-prefeito e manteve a sentença na íntegra.

SEM PROVIDÊNCIAS - Na avaliação do magistrado, Emanuel, que assumiu em 97 e cumpriu oito anos de mandato, teve 'tempo mais que suficiente' para providenciar a licitação.
"Nas oportunidades em que apresentou defesa nos autos, o requerido repetiu que atos vinham sendo realizados no sentido de, cronologicamente, constituir um sistema municipal de transportes e, feito isso, providenciaria a licitação", diz trecho da sentença."Se até o momento não foram juntados nos autos documentos comprobatórios das medidas que o requerido concretamente adotou é porque, de fato, elas inexistiram", conclui o juiz Luiz Guilherme Moura Santos.A última licitação no transporte coletivo em São José foi realizada em 1970. A Empresa São Bento ganhou a concessão por 10 anos e depois prosseguiu o serviço em regime de permissão.Em fevereiro de 1985, outras duas empresas do grupo São Bento --Real e Capital do Vale -- passaram a operar com autorização em caráter precário.A abertura da concorrência pública foi promessa das campanhas vitoriosas dos ex-prefeitos Angela Guadagnin (PT) em 92, Emanuel Fernandes, em 96 e 2000, e também no processo eleitoral que elegeu Eduardo Cury (PSDB) há dois anos.

EXTENSÃO - O advogado João Fernando Lopes de Carvalho, de São Paulo, afirmou ontem que, em tese, o Ministério Público pode propor nova ação civil pública contra o prefeito Eduardo Cury.
"Se o problema ainda não foi sanado o agente público atual também pode sofrer as consequências da lei", afirmou.A decisão judicial é mais um componente de pressão contra Cury que espera conseguir na sessão legislativa de hoje a autorização para realizar a concorrência e lançar o edital até o final do ano.

Candidato que engana antes da eleição, vai deitar e rolar se conseguir ser eleito



O Personagem de hoje da nossa série "Candidatos Duvidosos" é o sr. Milk Shakesper, que tem nome de poeta, mas que está mais para ator.
Difícil encontrar alguém que não tenha se deparado com alguma propaganda do moçoilo pela cidade, pois está fazendo uma campanha milionária. Só para que o cidadão comum tenha uma idéia, cada cavalete destes espalhados pelas esquinas e semáforos custa em média R$60,00 e como o moço só de cavalete tem mais de 1.000 (mil)! na cidade, já dá pra ter uma ideia da fortuna que o coitadinho está gastando para se eleger. Especialista calculam que os gastos devam ultrapassar a casa do meio milhão de reais! E da onde vem tanto dinheiro? E o Pior, como vai ser reembolsado tanto dinheiro???
Mais mentiroso que Pinochio, o moçoilo que declarou à justiça não possui bem algum, ainda roda pra cima e pra baixo num Audi e mora num apto no Jd. Aquárius.
Além dessa origem duvidosa de tantos recursos (confronte a campanha na rua coma declaração de gastos à justiça) não contente, ainda abusa de campanha irregular, colocando estacas nos jardins e canteiros da cidade, o que, além de ser totalmente proibido pela lei eleitoral, sendo passível de cassação do registro de candidatura e multa de até 21.000 reais ainda é uma demonstração clara do desleixo e descompromisso do mesmo com o nosso meio ambiente.
Quem passa por cima da lei para se eleger, provavelmente estando eleito, vai se beneficiar para levar vantagem pessoal e recuperar todo dinheiro investido na campanha com juros e correção monetária.
Inclusive já foram postados comentários (não verifiquei a idoneidade da fonte) onde o moço parece já ter colocado parentes na prefeitura mesmo antes de ganhar a eleição, imagina se vence???
Chega de lobo em pele de cordeiro, candidato novo com prática velhaca, Fora!!
Jorge Saladino

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Olha o passo do elefantinho


Candidato que não respeita a lei, certamente não vai saber fazer boas leis

Como dissemos, estamos iniciando nesta reta final uma série que denuncia aqueles candidatos que já na campanha tem se demonstrado má-fé assim como despreparo para a função.

Você também que por ventura veja por ai alguam dessas peças raras que estão espalhadas aos montes pela cidde, denuncie à justiça eleitoral, faça campanha contra eles e,s e quiser pode fotografar e enviar para o nosso email (jorge.saladino@yahoo.com.br) para que monstremos o cara aqui no blog.

O nosso candidato 171 de Hoje é um velho conhecido dos jornais da cidade, inclusive já tendo sido denunciado pela campanha irregular, mas, como podemos ver na foto acima e nas ruas da nossa cidade, aprece que não aprendeu a lição.


A lei eleitoral é muita clara quanto a proibição de vinculação de programas do governo à candidatura, mas o nosso amiguinho ai que sabe bem que não pode, não está nem ai, e se coloca como candidato do bolsa família, tentando é claro, enrolar os mais desfavorecidos que recebem a bolsa em São José como se fosse ele o doador das bolsas e não o governo, aliás, o moço ganha e muito bem para fazer este serviço.

Além disso, o moço também não sabe muito bem o cargo que disputa, pois propõe coisas que só prefeito pode fazer, totalmente fora da alçada dum vereador.

Chegou ao cúmulo de distribuir um mapa na região onde mostra as construções que irá fazer se eleito. Gente, vereador não pode assentar seque um tijolo! Isso é estelionato eleitoral puro!

Quero aproveitar e parabenizar a igreja católica pela cartilha onde explica o papel do prefeito e vereador e enfatiza que vereador não faz obras e aproveito e recomendo aos eleitores que dêem uma olhada na tal bancada católica, pois todos se dizem construtores de creches, poupatempo, escolas e é tudo mentira! Vereador não tem poder para isso!

Portanto, fica o alerta, quem sacaneia antes de eleito, vai deitar e rolar se for eleito!

Verticalizações: é a cidade aumentando para cima e a qualidade de vida descendo para baixo

A falta de critérios bem definidos e de uma lei de zoneamento mais rígida, que não permita, por exemplo, que vereadores desesperados por recursos para suas campanhas pervertam a lei existente para atender aos interesses dos construtores da cidade que, em retribuição financiam o caixa dois de suas campanhas para reeleição (quem duvida, basta observar a desproporcionalidade entre o que os vereadores estão gastando de dinheiro para se relegerem e o quanto estão declarando à justiça), assim como uma presença mais firme do governo afim de planejar o crescimento da cidade, tem transformado o sonho de muitos de ter a sua casa própria e a tão sonhada qualidade num verdadeiro inferno, vez que a aglomeração desmedida de prédios numa só localização, tem gerado um verdadeiro caos urbano e ambiental na cidade em especial na região oeste, onde nos horários de rush, o trânsito já está praticamente impraticável. Imagino eu então daqui há dois ou 3 anos, com mais prédios, carros e pessoas.

Além deste stress para ir e voltar (hoje por exemplo, levo praticamente o dobro do tempo para voltar para casa, que levava há dois anos atrás quando adquiri meu apto às custas de muito suor e trabalho), soma-se à questão das ilhas de calor que estão se formando entre os prédios pela não circulação do ar, ou seja, se é difícil durante a semana ir e voltar, no fim de semana a nossa casa vira um verdadeiro forno.

Além disto, o acumulo de aptos e moradores, está arrebentando com a infra-estrutura local, e os efeitos já podem ser sentidos em alguns horários, principalmente aqueles em que as pessoas voltam para as casas e já devem ter percebido que a pressão da água na torneira diminui, fruto das muitas torneiras abertas ao mesmo tempo e como vai ser quando daqui dois anos houverem o dobro de torneiras e chuveiros sendo abertos ao mesmo tempo? Simplesmente não vai haver água e esgoto para todos.

Ou a gente acorda, se organiza e toma uma providência ou vamos pagar bem caro breve, muito breve.

Agora todo mundo promete (ou seria prómente) mundos e fundos para se reeleger, mas o que de fato, cumpriram nestes 4, 8, 12, 16 até 20 anos de mandato? Falar é fácil, fazer é difícil, portanto gente, muita atenção na hora de escolher tanto candidato à prefeito quanto à vereador, porque esta decisão, ao contrário do que muita gente alardeia por ai, reflete sim e muita na qualidade de vida que teremos.

Quem promete tudo, não entrega nada, olho neles!

Jorge H. Saladino

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Desgoverno Curi é um trabalhando e dez mandando

Não é a toa que tudo demora neste governo, pois qualquer coisa que você peça, passa pelo, chefe, do chefe, do chefe do chefe até chegar num coitadinho que, sem recursos suficientes, vai empurrando com a barriga.

Se duvida, vá até um semáforo em faça a conta: quase todos que chacoalham bandeiras ocupam cargos de chefia!

Agora perguntem o que realizaram neste 4 anos e muito provavelmente verá o cidadão gaguejar na sua frente, fazer de surdo e mudar de conversa.

Até quando aceitar isso? O governo não vai para frente porque tem mais cacique que índio. Por isso, em outubro, nós que estamos bancando essa farra devemos usar nosso voto para: Fora com eles!

Servidores de carreira são obrigados à militar na campanha do prefeito

Do dia para noite, apareceram em tudo quanto é esquina dezenas de "milicantes" (mistura de milico, puxa-saco e arrogantes) do prefeito chacoalhando bandeiras pró reeleição.
Agora faça um teste e, como quem não quer nada, pergunte qual o local de trabalho dele.

Provavelmente 9 em cada 10 (se não for mais) dirá que é funcionário público municipal, porque ou foi coagido, ou está pendurado num dos cabides do prefeito.

E para que tantos funcionários de carreira aceitem se expor ao ridículo pedindo votos para alguém que nunca deu valor para eles tem algumas explicações entre elas: horas-extras, promessas de promoções, ameaças de cortes e transferências enfim, ninguém está ali por amor à pátria.

Não fosse esse abuso do uso da máquina, muito provavelmente teríamos nas esquinas (durante o horário de almoço, é claro) somente o poste-prefeito e seu ex.

Porque para militar neste governo, somente como afirmam diversos de seus defensores, ganhando um emprego (se duvidam é só ler as muitas ameaças e propostas postadas pelos governistas aqui todos embasadas em boquinhas), ou seja militante do holerith.

Muito pouco para um governo que se acha representate de Deus na terra.

São José merece mais. Fora com eles!

Crimes eleitorais: Candidato vale tudo, vai ser vereador vende tudo

Estamos iniciando hoje, uma nova série denunciando os abusos cometidos pelos candidatos desta eleição e tem de tudo: compra de votos, intimidação de funcionários, utilização de espaços públicos, destruição de jardins, apropriação de programas governamentais, auto-crédito de obras do executivo ( o que tem de vereador prometendo construir creche é brincadeira, e o pior é que vereador não pode por lei assentar sequer um tijolo!).

Pra começar, e como não poderia deixar de ser,l estreamos com um candidata do Demo que, desrespeitando totalmente a legislação, tem afixado sua propaganda de gosto duvidoso em árvores, semáforos e todo e qualquer espaço público, sem qualquer pudor. O mais engraçado é que em seu "capetinha" (santinho dos demos) ela se coloca como arauta da ética e da moralidade.

E aqui cabe a pergunta: Como alguém que desrespeita a lei, pode ser um fazedor de leis?

Quem vota em gente assim não pode reclamar depois, pois é o mesmo caso da garota que conhece o cara num boteco e depois que casa, reclama que ele é bebum.

Lugar de candidato 171 é na cadeia! Fora com eles!

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Mini-ônibus do Curi Porque pobre nasceu pra passar aperto


Casas Vila Leila, mais um servicinho mal feito


Depois de tirar as pessoas à força de suas casas para passar a Via Norte por cima, e como sempre, darem uma casinha num lugar distante do local de origem para compensar, eis que, pra variar, entregaram um serviço mal feito, e as casas, que só tem 3 meses de construção, já estão cheias de rachaduras, mas como é praxe nesta administração, a resposta tá na ponta da língua: isso é um caso pontual, vamos remendar.
E haja remendo para tanta coisa mal feita! Como o importante é mostrar números e não resolver os problemas, todo dia esses números brotam aos montes, mas se olhamos mais atentamente, preferiríamos números mais modestos e mais eficientes, ou alguém em sã consciência prefere ser operado, duas, três vezes, para compensar erros médicos que ocorreram po operações mal feitas que tiveram que ser refeitas?
E assim, como papel aceita tudo, a gente continua com um monte de promessas, que na prática destes últimos 4 anos não se realizaram, como as câmeras que não foram instaladas e agora promete o triplo? Quem não fez 100 não faz 300.
Acorda São José!!!

Tonico Cheracola, o principal cabo eleitoral do Curi

Em sua total falta de propostas sérias e objetivas para a cidade, assim como uma demonstração clara de desconhecimento político e administrativo, o candidato do quanto pior melhor, dá tiros para todos os lados não poupando muitas vezes nem à si próprio.

Aliás, há uma piada do meio político que enfatiza esse caráter niilista do PSTU que diz se a maioria votasse a favor deles, eles mudariam imediatamente de opinião, porque de certo

propuseram algo errado.
Aliás, o que afinal quer o PSTU, um partido que deste a sua criação não foi capaz de eleger sequer um vereador e vive de mamar nas tetas dos sindicatos e depois quer dar lição de moral nos outros.
Todos sabem das minhas críticas ao atual governo que vejo como omisso, insensível e pouco realizador, mas ao invés de propor alternativas à este modelo ficar resmungando sobre o salário do prefeito é picuinha, ainda mais quando a mesma vem de alguém que sempre ganhou muito bem dos sindicatos e até empregou a própria mulher como advogada do mesmo. Não pode falar do rabo dos outros quem tem rabo.
Outra coisa é esse ressentimento de mulher mal amada que o PSTU carrega desde que foi expatriado de seu ex-partido e que o faz tentar detona-lo de todo quanto é jeito e é ai que acaba sempre indiretamente beneficiando aqueles que mais se distanciam de seu suposto programa, quando por ignorância política, coloca todos dentro do mesmo saco. Ou seja, na ânsia de detonar o PT, ajuda e muito, o PSDB, e acaba por perpertuar o modelo neoliberal que tanto diz menosprezar.
Não quero aqui julgar o mérito deste ou daquele candidato, entre o atual prefeito e seu principal adversário, mas um coisa fica clara, ambos tem projetos, times e formas de governas bem diferentes e que, cada qual a seu modo, funcionam. E o PSTU? Desculpem-me, mas precisamos de candidatos sérios que discutam os problemas da cidade e suas alternativas e não alguma que vive no mundo da lua com uma metralhadora na mão dando tiro para todo quanto é lado.
Ou o PSTU amadurece ou vai continuar amargando derrotas e mais derrotas e ai não adianta a velha retórica de que o povo não sabe votar.
Seu parceiro PSOL, um pouco mais ideológico e pragmático deveria ensinar-lhes algumas lições e de repente na próxima eleição, proponham realmente um cidade para trabalhadores, empresários, desempregados, enfim uma cidade que esteja afinada com todos os segmentos sociais.
Chega de homens bomba

domingo, 14 de setembro de 2008

Agora está explicado: a pesquisa não houve os mais pobres

O que há em comum nas duas últimas pesquisas de intenção de voto em São José? A queda da oposição e a subida do atual prefeito dirão a maioria. mas há um outro dado que fica escondido e que o jornal de hoje explicita: a escolha dos locais de levantamento dos dados:

Segue abaixo a lista:
"Confira o mapa dos votos por bairros: A pesquisa também revelou o mapa do voto em São José. Nos 15 bairros consultados, o prefeito Eduardo Cury (PSDB) venceu o deputado estadual Carlinhos Almeida (PT) em 9: Vista Verde (leste), Jardim Apolo (centro), Jardim São Dimas (centro), Jardim Paulista (centro), Jardim da Granja (sudeste), Jardim das Indústrias (oeste), Jardim das Colinas (oeste), Jardim Satélite (sul) e Jardim Imperial (sul).Carlinhos obteve mais citações que Cury em 5 bairros: Vila Tesouro (leste), Santana (norte), Jardim Telespark (norte), Bosque dos Eucaliptos (sul) e distrito de Eugênio de Melo (leste). Eles empataram, com 44,4% cada, na Vila Industrial (leste).

Ou seja, os bairros foram escolhidos à dedo: Porque, pormexemplo não foram ouvidos os moradores dos bairros mais populosos da cidade como Novo Horizonte, Morumbi, Campos dos Alemaões, Colonial, Dom Pedro, Santa Inês?
Fonte: vale Paraibano

A resposta é fácil de encontrar: é só dar uma voltinha por estes bairros que você vai descobrir que neles o prefeito não é nenhuma unanimidade.

Agora, fica fácil quando mais da metade dos bairros são de classe média e classe média alta e que, no montante da cidade não representam nem 10% de todos os eleitores da cidade e que são psdbistas de carteirinha.


Só para exemplificar que se a pesquisa tivesse tido como referência uma base mais honesta, vamos analisar o caso do Bosque dos Eucaliptos que, mesmo sendo um bairro classe média teve maior inclinação de votos para a oposição e por que isso aconteceu? Porque o Bosque, apesar de ser um bairro classe média,faz divisa com bairros mais carentes e por isso sente o abandono dessa população, portanto, podemos esperar um grande virada na hora do voto na urna.

A Verdade vai vencer a mentira e a esperança vai vencer o medo.

Em Outubro, fora com eles!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO